Arquivo de Michael Jackson Morte

Vida e morte de Michael Jackson atraem 31 milhões

Posted in Notícias with tags , , , , , on Julho 12, 2009 by kellystress
michael jackson

Momento do funeral de Michael Jackson, realizado no ginásio Staples Center, em Los Angeles, e transmitido por 18 canais

Tanto na televisão quanto na Internet, dezenas de milhões de espectadores acompanharam o serviço fúnebre de Michael Jackson (1958-2009). O evento, que contou com a presença de um grande número de astros, foi uma das despedidas mais assistidas da história.

Os veículos de mídia trataram boa parte das duas últimas semanas como um longo funeral público do astro da música pop. O processo culminou com o serviço fúnebre conduzido na terça-feira (7), no ginásio Staples Center, em Los Angeles. Jackson estava planejando retomar a carreira com uma nova turnê, pouco antes de sua morte, em 25 de junho.

Realeza americana
A empresa que afere a audiência americana, Nielsen Media Research, informou que os 18 canais que transmitiram o funeral de Michael tiveram audiência total combinada de quase 31 milhões de pessoas nos domicílios dos Estados Unidos, ao longo do evento que durou quase três horas. O serviço fúnebre de Jackson atraiu audiência televisiva maior que as despedidas de dois antigos presidentes, Gerald Ford em 2007 e Ronald Reagan em 2004. O funeral da princesa Diana, em 1997, atraiu 33 milhões de telespectadores.

Para dimensionar melhor esses números, o total combinado de audiência foi ligeiramente mais elevado que o de um episódio de American Idol, popular concurso de talentos musicais exibido pelo canal Fox.

Hit online
O serviço fúnebre do astro também atraiu milhões de espectadores online. O site de notícias CNN.com divulgou que 4,4 milhões de pessoas acompanharam o evento ao vivo pelo seu canal de vídeos; na MSNBC, foram 3,1 milhões. O Yahoo! registrou 5 milhões de acessos a vídeos do funeral, durante a cerimônia.

A audiência elevada parece ter confirmado a decisão editorial dos executivos de notícias, que defendiam a cobertura extremamente detalhada da morte do músico. ¿Existe imenso interesse por esse assunto¿, disse Bart Feder, vice-presidente de programação da CNN.com.

A morte de Jackson levou a uma disparada de audiência nos canais de notícias de TV a cabo que não se via desde a noite da última eleição presidencial americana. As edições de Nightline, um telejornal noturno da rede de TV ABC, sobre Jackson atraíram audiência mais alta do que as dos programas de entrevistas e humor exibidos por canais concorrentes. O canal de entretenimento E! informou que sua programação sobre Jackson, que ocupou toda a grade da estação na terça-feira (7), registrou um dos mais altos índices de audiência que a empresa já conquistou no período diurno em um dia de semana.

A extensa cobertura da morte de Michael Jackson levou alguns críticos a perguntar, em certos momentos de maneira ruidosa, se não estava havendo um exagero por parte das empresas de mídia. “Não se ouve falar de nada mais a não ser Michael Jackson”, disse o deputado Peter King, republicano de Nova York, em um vídeo distribuído no sábado via YouTube. “Vamos deixar de lado toda essa pretensa psicologia. Ele era um pervertido, um molestador de crianças, um pedófilo.”

Todo mundo ligado nele
Em uma pesquisa conduzida no final de junho pelo Pew Research Center for People and the Press, 58% dos que responderam a ela afirmaram estar acompanhando a cobertura sobre a morte de Michael com atenção ou com muita atenção, o que fez do caso uma das mortes de celebridades mais acompanhadas em pelo menos uma década. Ao mesmo tempo, 64% das pessoas declararam que as organizações noticiosas estavam dedicando tempo e espaço demais à cobertura do acontecido.

Jim Bell, produtor executivo do programa de entrevistas Today (NBC), disse compreender por que algumas pessoas estavam considerando que a cobertura fosse exagerada, mas afirmou que “Michael Jackson talvez tenha sido um dos maiores astros que os Estados Unidos já tiveram”.

Gosto pelo bizarro
Bell e outros executivos de notícias afirmam que a cobertura se justifica porque existem muitas questões em aberto sobre a vida e a morte de Jackson. Entre os temas que a cobertura mais enfatizou estavam as circunstâncias misteriosas em que ele morreu; o estado incerto de sua saúde; a custódia de seus filhos; e a emoção expressa pelos fãs de todo o mundo. “Acredito que esse assunto deva continuar reverberando por algum tempo ainda”, afirmou Bell.

Os dados de audiência do funeral de MJ aferiram que cerca de 20% dos domicílios norte-americanos equipados com televisores estavam ligados no evento. De acordo com a Nielsen, 21% dos domicílios assistiram ao vivo o julgamento no qual Jackson foi declarado inocente de acusações de abuso sexual, em 2005. Ainda, na terça (7), 20 milhões de pessoas assistiram aos especiais sobre o cantor, exibidos em horário nobre pelas redes de TV ABC, CBS e NBC.

A Akamai, empresa que mede para algumas empresas o tráfego de Internet, divulgou que a alta visitação a sites no dia do funeral de Michael só haviam sido eclipsados por um outro evento, em seus registros: a cerimônia de posse do presidente Barack Obama, em janeiro.

Mais pop que Obama
Diversos sites noticiosos cooperaram com o Facebook e o Twitter para incorporar atualizações à cobertura ao vivo do evento. O MSNBC.com mostrou mais de 75 mil tweets. “As pessoas queiram compartilhar daquele momento”, disse Charlie Tillinghast, editor geral de notícias do MSNBC.com. “Foi uma experiência coletiva”.

Ainda, o astro pop superou o presidente americano em pelo menos uma categoria. O Facebook informou que MJ contava com 7 milhões de fãs oficiais em sua página no site, o que representa o maior séquito entre todas as figuras públicas, que mantêm perfis por lá ¿entre as quais, Obama, que conta com 6 milhões de fãs.

Fonte: The NewYork Times

A sociedade Angolana Envelhece as pessoas

Posted in Chamada de Atenção, Crônica with tags , , , , , , , , , , , , on Julho 9, 2009 by kellystress

JovemVelho

Eu, antes me achava uma pessoa complicada, mas cheguei a conclusão que nasci na sociedade errada, os meus ideais não se enquadram com a sociedade em que vivo. Crescendo nesta sociedade, eu aprendi muita coisa, mas o fundamental aprendi a pouco tempo, depois de anos de análise posso dizer que me conheço bem e conheço as minhas capacidades, as minhas limitações, os meus defeitos e as minhas qualidades.

Mas depois de saber quem sou, comecei a olhar ao meu redor, a minha sociedade, que de certa forma (muito) atrasada, talvez por termos somente 34 anos de independência, e os nossos pais tiveram poucas opções e que não se comparam as nossas actuais, vistos que há muito por onde se explorar, isso se a mente for aberta e fértil, caso contrário será mais um atrasado mental.

A sociedade Angolana envelhece as pessoas porquê? Porque nós estamos num sociedade padrão, onde para os mais velhos e para todos aqueles infectados pelo atraso, cada um tem a sua vida traçada a nascença, que é: educação primária, secundária, superior, acabou o curso superior casa tem filhos fica velho e morre. Tal como os empregos são os mesmos para todos que são: o mecânico, electricista, canalizador, funcionário público, funcionário privado, os madiés de bisnos, as moambeiras, as prostitutas de profissão e as não registadas pelo ministério do trabalho (perdoem se me esqueci de alguma profissão padrão).

Tudo que esteja fora deste círculo, é considerado como sendo anormal, podes ter a certeza que não serás bem visto pela sociedade. Aos 25 já estas velho pois se não tiveres filho, namorada apresentada em casa, pedido feito és considerado bandido ou começam a dizer que estas velho. Os mais velhos começam a perguntar: quando é que vais casar, quando é que vais apresentar filhos, será que não fazes ou quê?

Muitos cedem a pressão, pois não é fácil, e depois casam e comprometem-se sem estar preparados, pois os pais querem despachar as trouxas de casa, e acontece que os casamentos não duram um ano. A maior parte dos casamentos em Luanda são forçados, na maior parte das vezes porque a rapariga engravidou do rapaz, e a família obrigou a casar.

Para eles o homem tem de se comprometer ao matrimónio, quando ainda no princípio da sua juventude. Contam-se os homens e mulheres nascidos depois da independência (1975 ano da independência de Angola), quem tiveram casamentos de sucesso. Até agora na minha vida não consegui um casal modelo a seguir, ou seja, um casal que eu possa dizer, quando um dia tiver a minha família gostaria que fosse como a do fulano.

Outra coisa é que as coitadas de 70% das mulheres de Luanda são extremamente vazias, muito espertas mas pouco ou nada inteligentes, a sua maioria não ajuda em nada os seus parceiros. Pois se o homem trabalha para melhorar a condição de vida, qual é o papel delas? Até agora ainda não descobri qual é, pois são pouquíssimas são boas de casa, pois a maioria são boas donas da rua. Eu estou a falar de jovens nascidos depois de 1975 pós independência, as jovens deixam-se ser submissas aos homens, nós é que mandamos, elas são recebem o que lhes damos e esta tudo bem, trabalhar sim, sendo que algumas fazem pois têm ambições na vida em ter as suas coisas e obter a sua independência sem ter de se submeter a nenhum homem, mas já outras esperam por quem der mais para levar os seus belos corpos que só duram até aos 25 anos de idade (com muita sorte), dos 25 para cima é jogar na lotaria, pois tens de ter um corpo formidável para que os homens olhem para ti da mesma forma que olhavam quando tinhas 17 anos de idade.

Um jovem que esteja a começar  a vida, tem de lutar e se sacrificar, pois a vida não é fácil, os nossos pais para aguentarem 40 ou mais anos de casamento não é coisa fácil, mas a pós 1975, já não aprenderam assim, pois só namoram com quem têm para dar, não estão preparadas para sofrer e construir um futuro, sendo que são muito impacientes.

Neste caso, o que elas vão querer é dinheiro, e quem têm dinheiro neste momento são os mais velhos, sim os nossos pais, tios avôs, esse competem connosco sendo que perdemos sempre pois dão fundos e alguns dão mundos para comerem carne fresca. Eles corrompem as pós 75 com carros, pagam escolas, arrendam casas, mas dificilmente passam os bens em nome delas, pois quando se cansarem vão para uma mais nova.

Então como é que querem que casemos com as pós 75 que não têm cabeça nenhuma, pois todas elas só pensam no agora.

Penso que fugi um pouco do tema, mas é aqui onde os pontos se unem, vistos que as raparigas tem prazo de validade até aos 25 anos de idades, pois nesta idade muitas já têm 3 filhos, senão têm filhos estão com tudo fora do lugar, e já não querem namorar somente, já querem coisas sérias, pois já gozaram o bastante e já estão velhas, e a sociedade lhes obriga a casar. E elas na sua maioria que pensam pouco, tendem a prender homens com barrigas, mas ali ela já está preparada para sofrer pois sabe se lhe deixarem, já não haverá homens no mercado para ela, então é só já aguentar.

Eu quero ter sonhos, quero explorar os meus talentos, quero me capacitar e ser um senhor de mim mesmo e não me submeter o que a sociedade atrasada quer, e as parceiras que ao invés de ajudarem, só prejudicam, pois são poucas que sabem dar força para aqueles que têm projectos futuros e promissores, querem somente o presente o “já”.

Muitos dos jovens de 30 anos, são os que mais gozam a sua juventude, pois provaram que a juventude não acaba, pois desde que haja responsabilidade um indivíduo é para sempre jovem, mas como a sociedade lhe pressionou a assumir um espaço para qual não estava preparado, agora eles deixam as suas parceiras em casa, pois se deram conta que ainda são jovens e precisam se divertir e “chillar”.

Se a sociedade permite-se a todos explorar as suas capacidades, nada disse aconteceria, o tempo dos nossos pais já passou, nós vamos adoptar as suas lições de vida e vamos adpta-las ao nosso futuro, mas todo a seu tempo.

Deixem-nos explorar os nossos verdadeiros potenciais e não aqueles que até ontem vocês acharam ser o mais correcto, vocês não deixam de ter a vossas quota-parte de razão, mas agora o futuro a nós pertence.

Em Luanda aos 18 anos é adolescente, aos 24 és adulto, aos 29 és senhor, aos 37 és velho e aos 47 és avô, caso consigas passar disso és um velho de sorte.

Cheguei a conclusão que tudo isso é porque a esperança de vida dos homens é até aos 47, quer dizer que temos de viver rápido, hahahahahah

Calado Show no Hora Quente

Posted in Notícias with tags , , , , , , , , , , on Julho 7, 2009 by kellystress

“Morre o Rei do Pop” mas ele viverá eternamente nos nossos corações pois a sua música nunca morrerá [R.I.P – M.J]

Posted in Notícias with tags , , on Junho 26, 2009 by kellystress

michael-jackson-thiller

O cantor Michael Jackson, maior astro Pop de todos os tempos, morreu nesta quinta-feira, em Los Angeles, aos 50 anos.

Jackson não estava respirando quando os paramédicos chegaram à sua casa e deu entrada no hospital em estado de coma, disse o jornal Los Angeles Times.

Segundo o site do jornal “Daily Mail”, paramédicos foram vistos realizando em Jackson uma manobra conhecida como ressuscitação cardiopulmonar (CPR), assim que o cantor chegou ao hospital.

A morte de Jackson foi confirmada pelo porta-voz do Instituto Médico Legal de Los Angeles, Fred Corral, em entrevista à rede de TV CNN.

Segundo ele, uma autópsia “provavelmente” será realizada na sexta-feira. Ele preferiu não especular sobre a causa da morte.

O “Rei do Pop” nos anos 80 viu sua carreira prejudicada por suas extravagâncias em público, sua transformação física e as acusações de abuso sexual.