Arquivo de crônicas de quem vive luanda

É engraçado mas ao mesmo tempo é triste. Dificuldades na língua portuguesa

Posted in Chamada de Atenção, Crônica, Só Acontece Angola with tags , , , , , , on Julho 12, 2009 by kellystress

A sociedade Angolana Envelhece as pessoas

Posted in Chamada de Atenção, Crônica with tags , , , , , , , , , , , , on Julho 9, 2009 by kellystress

JovemVelho

Eu, antes me achava uma pessoa complicada, mas cheguei a conclusão que nasci na sociedade errada, os meus ideais não se enquadram com a sociedade em que vivo. Crescendo nesta sociedade, eu aprendi muita coisa, mas o fundamental aprendi a pouco tempo, depois de anos de análise posso dizer que me conheço bem e conheço as minhas capacidades, as minhas limitações, os meus defeitos e as minhas qualidades.

Mas depois de saber quem sou, comecei a olhar ao meu redor, a minha sociedade, que de certa forma (muito) atrasada, talvez por termos somente 34 anos de independência, e os nossos pais tiveram poucas opções e que não se comparam as nossas actuais, vistos que há muito por onde se explorar, isso se a mente for aberta e fértil, caso contrário será mais um atrasado mental.

A sociedade Angolana envelhece as pessoas porquê? Porque nós estamos num sociedade padrão, onde para os mais velhos e para todos aqueles infectados pelo atraso, cada um tem a sua vida traçada a nascença, que é: educação primária, secundária, superior, acabou o curso superior casa tem filhos fica velho e morre. Tal como os empregos são os mesmos para todos que são: o mecânico, electricista, canalizador, funcionário público, funcionário privado, os madiés de bisnos, as moambeiras, as prostitutas de profissão e as não registadas pelo ministério do trabalho (perdoem se me esqueci de alguma profissão padrão).

Tudo que esteja fora deste círculo, é considerado como sendo anormal, podes ter a certeza que não serás bem visto pela sociedade. Aos 25 já estas velho pois se não tiveres filho, namorada apresentada em casa, pedido feito és considerado bandido ou começam a dizer que estas velho. Os mais velhos começam a perguntar: quando é que vais casar, quando é que vais apresentar filhos, será que não fazes ou quê?

Muitos cedem a pressão, pois não é fácil, e depois casam e comprometem-se sem estar preparados, pois os pais querem despachar as trouxas de casa, e acontece que os casamentos não duram um ano. A maior parte dos casamentos em Luanda são forçados, na maior parte das vezes porque a rapariga engravidou do rapaz, e a família obrigou a casar.

Para eles o homem tem de se comprometer ao matrimónio, quando ainda no princípio da sua juventude. Contam-se os homens e mulheres nascidos depois da independência (1975 ano da independência de Angola), quem tiveram casamentos de sucesso. Até agora na minha vida não consegui um casal modelo a seguir, ou seja, um casal que eu possa dizer, quando um dia tiver a minha família gostaria que fosse como a do fulano.

Outra coisa é que as coitadas de 70% das mulheres de Luanda são extremamente vazias, muito espertas mas pouco ou nada inteligentes, a sua maioria não ajuda em nada os seus parceiros. Pois se o homem trabalha para melhorar a condição de vida, qual é o papel delas? Até agora ainda não descobri qual é, pois são pouquíssimas são boas de casa, pois a maioria são boas donas da rua. Eu estou a falar de jovens nascidos depois de 1975 pós independência, as jovens deixam-se ser submissas aos homens, nós é que mandamos, elas são recebem o que lhes damos e esta tudo bem, trabalhar sim, sendo que algumas fazem pois têm ambições na vida em ter as suas coisas e obter a sua independência sem ter de se submeter a nenhum homem, mas já outras esperam por quem der mais para levar os seus belos corpos que só duram até aos 25 anos de idade (com muita sorte), dos 25 para cima é jogar na lotaria, pois tens de ter um corpo formidável para que os homens olhem para ti da mesma forma que olhavam quando tinhas 17 anos de idade.

Um jovem que esteja a começar  a vida, tem de lutar e se sacrificar, pois a vida não é fácil, os nossos pais para aguentarem 40 ou mais anos de casamento não é coisa fácil, mas a pós 1975, já não aprenderam assim, pois só namoram com quem têm para dar, não estão preparadas para sofrer e construir um futuro, sendo que são muito impacientes.

Neste caso, o que elas vão querer é dinheiro, e quem têm dinheiro neste momento são os mais velhos, sim os nossos pais, tios avôs, esse competem connosco sendo que perdemos sempre pois dão fundos e alguns dão mundos para comerem carne fresca. Eles corrompem as pós 75 com carros, pagam escolas, arrendam casas, mas dificilmente passam os bens em nome delas, pois quando se cansarem vão para uma mais nova.

Então como é que querem que casemos com as pós 75 que não têm cabeça nenhuma, pois todas elas só pensam no agora.

Penso que fugi um pouco do tema, mas é aqui onde os pontos se unem, vistos que as raparigas tem prazo de validade até aos 25 anos de idades, pois nesta idade muitas já têm 3 filhos, senão têm filhos estão com tudo fora do lugar, e já não querem namorar somente, já querem coisas sérias, pois já gozaram o bastante e já estão velhas, e a sociedade lhes obriga a casar. E elas na sua maioria que pensam pouco, tendem a prender homens com barrigas, mas ali ela já está preparada para sofrer pois sabe se lhe deixarem, já não haverá homens no mercado para ela, então é só já aguentar.

Eu quero ter sonhos, quero explorar os meus talentos, quero me capacitar e ser um senhor de mim mesmo e não me submeter o que a sociedade atrasada quer, e as parceiras que ao invés de ajudarem, só prejudicam, pois são poucas que sabem dar força para aqueles que têm projectos futuros e promissores, querem somente o presente o “já”.

Muitos dos jovens de 30 anos, são os que mais gozam a sua juventude, pois provaram que a juventude não acaba, pois desde que haja responsabilidade um indivíduo é para sempre jovem, mas como a sociedade lhe pressionou a assumir um espaço para qual não estava preparado, agora eles deixam as suas parceiras em casa, pois se deram conta que ainda são jovens e precisam se divertir e “chillar”.

Se a sociedade permite-se a todos explorar as suas capacidades, nada disse aconteceria, o tempo dos nossos pais já passou, nós vamos adoptar as suas lições de vida e vamos adpta-las ao nosso futuro, mas todo a seu tempo.

Deixem-nos explorar os nossos verdadeiros potenciais e não aqueles que até ontem vocês acharam ser o mais correcto, vocês não deixam de ter a vossas quota-parte de razão, mas agora o futuro a nós pertence.

Em Luanda aos 18 anos é adolescente, aos 24 és adulto, aos 29 és senhor, aos 37 és velho e aos 47 és avô, caso consigas passar disso és um velho de sorte.

Cheguei a conclusão que tudo isso é porque a esperança de vida dos homens é até aos 47, quer dizer que temos de viver rápido, hahahahahah

Universidades em Angola

Posted in Chamada de Atenção, Crônica with tags , , , , , , on Junho 24, 2009 by kellystress

O Universitário

Ser Universitário em Angola, é um facto louvável, pois significa o preparo para se tornar um quadro para o nosso país, Muitos já são os quadros aqui formados que têm prestado o seu contributo para o crescimento e a notável mudança da nossa Angola. Existem em Angola quadros excelentes como nós aqui chamamos “Os Barras”.

Existem em Angola boas Universidades, e outras nem tanto, pois só têm em vista o factor monetário, não levando em conta o factor pedagógico e não exigir o bastante no sector Académico.

Voltando ao Universitário, há a salientar que estudar em Angola não é tarefa fácil, pois o material Bibliográfico é extremamente caro, nem todos têm condições para adquirir os livros. Por outro lado também, pagar as propinas (nas Universidades Privadas) não é coisa fácil pois a vida em Angola não é fácil para a maioria, tornando a Universidade um privilégio e um sacrifício para muitas famílias.

Existem vários tipos de Universitários em Luanda, com conhecimento de facto por residir na cidade, eles são: Os Estudiosos, os que gostam de aparecer e os indecisos.

Os estudiosos, são aqueles que Estudam bastante, para garantir as melhores notas, pois o bom desempenho irá garantir o seu futuro. São os alunos que mais participam nas aulas, formam grupos de estudo e têm um alto senso de responsabilidade.

Os que gostam de aparecer, essa é uma parte engraçada, pois eu sei de vários Universitários que já frequentaram o 1º ano de mais de duas Universidades de Luanda, pois vão somente para aparecer e não assistem as aulas, logo quando reprovam, põe a culpa na escola, e os pais como já a muito não acompanham o seu desenvolvimento compadecem com tais acções. Eles normalmente estão na Uni. para mostrar que esta, pois “hoje em dia em Luanda estar na Universidade é estar na moda”.

Quanto aos indecisos, bem eles são aqueles que se definem a si mesmos depois do 2º ano, pois se chegarem até lá têm a noção que não é fácil e terão de deixar as brincadeiras de lado, pois as brincadeiras ficam para traz no 1º ano.

A maioria dos aparece dores, não estuda para nada, se passarem do 2º da faculdade, é com ajuda das cábulas, das provas compradas, dos trabalhos comprados, sendo que muitos terminam a faculdade sem saber nada daquilo em que se formou.

Os Estudiosos, que não tenham condições monetárias para a aquisição do seu material bibliográfico, usa da própria Inteligência, para conseguir se virar, isso como? Simples, é possível pagar os estudantes de anos avançados para fazer as suas provas, há alguns que cobram por nota quanto mais alta a nota mais caro se paga podendo chegar aos mil dólares americanos, e assim pessoas que nunca foram a escola, podem passar da mesma forma que as outras e ainda com maior notas. Não existe um controle rigoroso na época das provas, pois os alunos que fazem cadeiras em atraso confundem os professores, com isso outros aproveitam-se para fazer estes “Bisnos ou Garimpo”.

Já houve também em Universidades conceituadas, esquemas de venda de notas, a partir das secretarias escolares, assédio sexual entre professor e aluna, pagamento de propinas fraudulentas, pagamento a professores e enfim é um acúmulo de atrocidades quem ferem o nosso sistema académico.

Existem sim muitos bons quadros de eximia qualidade, mas mesmo assim o próprio Angolano prefere ir buscar fora, não por causa da nossa educação mas porque o angolano prefere ajudar o estrangeiro do que ver o seu conterrâneo Angolano a ascender, “um inveja que vai já no sangue”, mas é que tenho a dizer é que tudo isso é complicado e de difícil explicação, mas é o que se passa em Angola.

Ksp

kelly stress pro

kelly stress pro

Como se tornar um jovem de sucesso em Angola – Inspirada numa letra da música do Grupo Kalibrados

Posted in Chamada de Atenção, Crônica with tags , , , , , , on Junho 20, 2009 by kellystress

Como se tornar um jovem de sucesso em Angola

Vivendo nesta sociedade primitiva, e de certo modo padronizada, sobreviver nela é uma tarefa árdua pois na nossa sociedade existem vários tipos de jovens e com as mais diversas características, as oportunidades não são iguais para todos mas eu acredito que cada um joga um papel preponderante para o desenvolvimento do nosso país.

Mas se és jovem e queres ter sucesso no nosso país, tens de ter ideias construtivas. Todas as ideias são válidas, o jovem Angolano pode sim sonhar com qualquer coisa que ele ou ela desejar, basta acreditar, pois o país esta mudar e os jovens estão a pensar cada vez mais.

O primeiro obstáculo é a família, pois as famílias Angolanas não acreditam no potencial dos seus próprios filhos. Aqui os pais dizem que querem o melhor para os filhos, com a sua quota de razão, mas cada jovem com indivíduo tende a desenvolver as suas próprias ambições, mas nunca chega à almeja-las por falta de apoio, na maior parte das vezes moral, pois sem ela o sonho não progride.

O jovem Angolano vê-se bloqueado, muitas vezes por necessidade, mas outras vezes por pressão da própria sociedade, o que faz com que sonhos à longo prazo sejam deitados por agua a baixo, pois o que reina na nossa sociedade é o imediato o já, agora. Todo mundo a procura do dinheiro, mas é o dinheiro rápido, que não enriquece ninguém, pois fortunas são construídas com suor e muito trabalho, de modo a se tornar algo consistente.

É possível ver a batalha, dos artistas em Angola, mas eles estão a sofrer hoje, pois amanhã tudo vai mudar. Em Angola só se reconhecem as profissões padrão, mas do jeito que estão as coisas, todas essas vagas já estão preenchidas, mas mesmo assim, ainda continuamos a dar os mesmos cursos nas universidades, infelizmente. Uma coisa é certa, as condições do país não ajudam para nada, mas é por isso que temos de lutar e muito.

Angola é um país rico em paisagens, além disso, muita coisa acontece de estranho aqui na banda, temos ainda províncias por explorar e etc. O meu conselho, é tentar usar dos artifícios do país e descobrir um encanto da nossa terra ou um talento dentro de ti, e lutar para que o teu sonho se torne realidade, pois não vale a pena afundar os sonhos na bebida, nas drogas ou na delinquência.

Existe sim um disparidade abismal entre os ricos e os pobre, mas os jovens ricos de agora, não se comparam a ti que tens um sonho de subir e de mostrar o que melhor sabes fazer, ele já esta relaxado pois encontrou e dificilmente irá manter quando a verdadeira pessoa que trabalhou se for embora. Mas já aquele que acreditou em si mesmo, dará muito mais valor.

Vão lhe dizer muitas vezes “oh rapaz, deixe disso, isso não da futuro”, os mais velhos dizem muito isso, porque também lhes foi negada a oportunidade de sonhar, mas isso era no tempo deles pois esse agora é nosso tempo.

Na música dos Kalibrados do Album negócio fechado a música nº 8 Menos um dia no minuto 3:36 verso de Kadaff “demonstra a ti mesmo que é forte e tens talento, representa-te, valoriza-te a 100%”, este é o segredo do sucesso.

Invista em si mesmo, se tiver condições, aposte na internet para mostrar o que sabe, pois a internet já um futuro muito presente, e poderá fazer fortuna, se simplesmente usares a cabeça.

Ksp

O Copo vai nos matar – Consumo excessivo de álcool em Luanda

Posted in Chamada de Atenção, Crônica with tags , , , , , , on Junho 17, 2009 by kellystress

cerveja

Consumo excessivo de álcool na cidade de Luanda

Meu Avilo

Aqui na banda, nos estamos a beber pra caraças yah, vou te contar das minhas bebedeiras, a pior que tive qual foi? Deixa ver, xé madié aquilo fui chupeta brother, tem uma num restaurante na ilha, eu e uns kambas num domingo, papamos e tal, depois começamos com umas caipirinhas, mas não satisfeitos fomos para os shots, só sei que os shots estavam a vir fracos, mandamos vir além da caipirinha, um copo de água ardente ou sei lah, só sei que é aquele mambo que queima o peito, yah, dai fomos a outro bar na ilha, e a cabeça começou a girar quando a bebedeira subiu aos cornos, comecei a chamar Diogo (vomitar) me filmaram e tudo mas foda-se aquilo foi uma granda torra.

Outra foi na noite, eu e mais um casal, tipo chegamos a night e estava bué sério, como estava a andar com um casal de namorados, ele só bebia gasosa, e ela martini, por isso eu não podia lhes aturar, estas a ver neh, mandei dois duplos de whisky para dentro e mais um terceiro que ficou ao meio, e depois daí não me lembro de mais nada, o resto só me contaram, o meu kamba me disse no dia seguinte “estavas tão bêbado que ofendeste umas moças que estavam ao nosso lado, lhes chamas-te de putas, bateste na mão de uma moça enquanto ela bebia, e a garrafa lhe deu na boca, eu até só estava já atrás de ti só para não arranjares confusão” a minha ressaca dia seguinte foi do caraças, que até o cheiro de whisky me enjoa.

Outra foi de um amigo, fomos à uma festa, e eu estava na porta, portanto convidei ele e a minha dama, o meu kamba, desligou de tal forma que chamou Diogo na festa, já parecia uma árvore a balançar pra caralho, aí vi que controlar bêbado é uma cena fodida, dá muito trabalho, um gajo só reza para que ele não enerve ninguém e arranje confusão. De regresso a casa, viemos de táxi, e ele dentro do carro me diz”uí quero tirar (vomitar) eu pedi ao driver que parasse um carro  se não quisesse ver o seu carro borrado. La ele parou e ao sair do carro o meu avilo caiu tipo no desenho animado tom & jerry, levantei-o para ele poder vomitar, ele pois o dedo na língua para provocar o vómito para se sentir mais aliviado. Chegando a casa, deixei-o deitado debaixo do prédio, tendo a minha namorada perguntado se o deixaria ali deitado, e eu disse, o sentido de orientação já sabe que ele esta em casa, ainda vi o gajo rebolar escada a baixo (pois ele vivia na cave) até chegar a porta dele, e eu dentro de mim “o gajo já esta em casa”.

Mo uí, tah ver neh, aqui na banda tah mesmo malaique, há pouca diversão, assim durante o fim-de-semana, podemos tirar uma praia, ir a um restaurante, ou tirar um belas e depois uma disco ou podes ferrar, fora isso tem alguns que tiram um futebol (mas os campos agora são estaleiros de obras) um teatro, mas daí acabou, não tem mais nada, não da para aturar as damas o dia todo, temos de relaxar com uma birras e tal para ver a noite passar.

E madié nos estamos na dita cidade, e aqueles avilos que estão no gueto? Ali mesmo é mais limitado ainda. Depois aqui começam a chupar muito cedo, 98% dos jovens bebe, podem não ter dinheiro para comprar roupa, mas para beber há sempre. Aqui é mais fácil te pagarem uma grade de cerveja do que te pagarem um hambúrguer, para cigarro e bebida terás sempre um amigo, para outras cenas, nem contes.

Os jovens da banda descontam todas as frustrações na bebida. Mais o copo é lixado, eu quando chupo fico mais inspirado, outros falam atoa, outros riem a toa, outros dançam, outros querem lutar enfim.

Formar ambiente aqui é fácil, compra só umas birras e as pessoas aparecem, e nós que gostamos de ambiente.

Olha que eu bebo 8 birras e já estou fixe, mas há madiés que varrem grades e ainda se gabam, “eu chupo, eu bebo, você ao meu lado é miúdo, eu te deixo cair”mas epá isso como não é desafio mesmo tasse bem.

Outra coisa também é o facto de o governo saber que a sociedade gosta do copo e como gosta, que nas eleições o preço da cúca baixou de 80 kz para 30 kz, uns dizem “compraram os nossos votos com bebida”,

A bebida têm sido uma das causas dos acidentes nas estradas de Luanda, aos fins-de-semana o jovens saem já bem queimados da night, e vão acelerando os seus carros, vão tendo acidentes e o mais agravante muitos estão sob o estado de embriagues portanto os hospitais não os atendem e muitos morrem por falta de assistência, é lixado, pois a anestesia não reage bem quando o corpo esta cheio de álcool, morte por bebedeira.

A nossa juventude esta perdida, eu continuo a chupar, mas com moderação, pois sei se eu exagerar acabo dando vexame e com uma ressaca do caraças.

Talvez se não tirassem os campos de futebol, criassem mais livrarias, casas de jogos, algo para nos distrair mais um pouco, pois nem todos tem a oportunidade de sentar num computador com internet e navegar, por isso navegam nas ondas da cevada, e outras bebidas alcoólicas.

Esse é um dos pontos de vista de quem conhece, e acho ainda muito moderado, pois tenho constatado casos piores.

Ksp

O Tráfico de droga em Luanda – Como é feito

Posted in Chamada de Atenção, Crônica, Notícias with tags , , , , , , on Junho 16, 2009 by kellystress

droga

Tráfico de Drogas em Luanda

O Tráfico de drogas em Luanda, capital da república de Angola, esta num nível alarmante, pois esta a dar cabo da nossa sociedade em todos os seus sectores, pois não são somente os jovens que estão a consumir, há mais velhos que já andam nisso há muito. O mais incrível é que são pessoas que passam muitas vezes despercebidas.

O facto agravante é o que, na nossa sociedade ninguém justifica os seus rendimentos, o governo não controla quase nada ou nada mesmo, por isso o nosso mercado é propenso a lavagem de dinheiro ou branqueamento de capitais.

Hoje em verifica-se um aumento de motorizadas na cidade de Luanda, um dos motivos fulcrais foi o do péssimo trânsito da nossa capital, mas o outro foi do aumento do tráfego de drogas, pois os passadores utilizam jovens com ilusões para fazer a distribuição da mercadoria.

Até então, as Jogs eram as mais solicitadas mas hoje em dia são as Crf motas de crosse, as vermelhas e brancas. Os distribuidores possuem vários métodos de aliciar os passadores, pois eles procuram pessoas com uma determinada popularidade, em um certo meio, e providenciam-no com os elementos necessários para a actividade.

Os motoqueiros, as pessoas que muito frequentam discotecas, os meninos com dinheiro, as pessoas com ambições de crescer rápido na vida e etc.

Muitos deles são nossos amigos e fazem-no pela necessidade, mas outros que sofrem dos vícios da moda facilmente entram nesses círculos pois querem ter a mesma vida dos outros, mas o que ele não sabe é que: um o pai tem, outro trabalhou, outro roubou, outro vendeu droga.

Os próprios peixes pequenos, sabendo das necessidades do seus amigos, vão aliciando-os com propostas de emprego: “é só para fazer umas entregas” dizem eles, pois o dinheiro é muito fácil, e dinheiro fácil vicia, é um dinheiro que vai e vêm pois esses jovens não irão fazer nenhum investimento, o dinheiro é somente “para chillar, comprar grifes, gastar com as damas” e depois acabou, continuando na mesma para sempre.

Uns mais espertos, normalmente aqueles mais ligados aos fornecedores ganham um pouco mais pois controlam passadores e fazem distribuição em áreas perigosas, e rendem muito dinheiro aos seus chefes, investem em carros, motas e até casas.

Mas o problema é que consoante o tempo vai passando, a tua cara torna-se conhecida, pois há entregas que eles farão, em certos pontos da cidade e sem saber a policia já esta de olho, e logo vêm que muito frequentas esse lugar logo também deves ser do movimento.

Muitas vezes na noite, é possível ver por exemplo pessoas em alto estado de alucinação e sem cheirar nem um pouco de algo, esta bem isso pode até ser normal, mas eu chego a noite a 1 hora da manhã, até as 3 já tomei uns tantos copos portanto já estou bem fixe e tu que chegas-te as 3:10 sério, fazes a esquina vais a casa de banho e vens no mesmo estado que eu reflictam.

Identificar os traficantes é difícil, mas alguns deles podem ser vistos em grupos com muitas motas, as chamadas “Quebradas”, em sítios onde há um alto consumo de álcool (roulottes, discotecas, pubs, casas de prostituição e outras), e outros são mesmo difíceis de identificar.

O estrago causado por estes actos já todo mundo sabe, deixam as famílias destruídas, jovens perturbados a roubar as próprias casas por causa da droga.

Exemplo do Simão (nome fictício): foi militar, tem uma filha já foi casado, mas o uso excessivo da droga faz com que ele roube as coisas de casa. Uma vez roubou a caixa de jóias da sua mãe, jóias avaliadas em mais de 10.000 USD, mas como os vizinhos já sabiam pois os roubos eram constantes, um dele viu-o descer e perguntou se ele estava a vender, como sempre, já vendeu máquinas de digitais, ipods tudo o que vocês podem imaginar, pois então esse vizinho comprou por 100 USD, ele seguiu o seu caminho foi fumar a sua droga. Posteriormente o vizinho devolveu a caixa de jóias a mãe de Simão.

Outra coisa, é o facto de os traficantes não tolerarem dívidas, eles podem ser muito pouco escrupulosos no que se refere a esse assunto. O Exemplo de bastos (nome fictício): devia aos traficantes cerca de 300 USD e ele não tinha para os pagar, entraram em sua casa ameaçaram a todos, levando consigo as chaves do carro de sua mãe um jipe Bmw avaliado em 80.000.00 USD. Posteriormente a mãe conseguiu o dinheiro e pediu que ligassem aos rapazes para devolverem o carro pois já tinha o dinheiro.

É uma situação que afecta gravemente as famílias. Eu poderia escrever páginas sobre a situação actual, mesmo assim não chegaria.

Esta mal é só isso que posso dizer.

ksp

“Videos Pornograficos Nacionais” vão ter de acabar

Posted in Chamada de Atenção, Crônica with tags , , , , , , on Junho 8, 2009 by kellystress

gvjhvjhjkhn

Pessoal, últimamente aqui na banda, tem havido um aumento de videos pornográficos caseiros, violando muitas vezes os direitos de imagem das pessoas.

É possível hoje encontrar num telefone de qualquer pessoa, um video angolano, isto esta demais,  e depois é um acto que é punível por lei, e acarreta consequências gravíssimas.

Nos videos, normalmente os rapazes filmam as suas amantes,  sendo eles realizadores, câmara-men, tudo num acto só.

E esses videos são incriminadores, são provas bastantes para arruinar a vida de duas pessoas por causa disso, pois são as familias que ficam constrangidas com tais actos, pois graças a técnologia os videos podem ser passados fácilmente, e normalmente o fazem via telefones.

É algo realmente triste, pois degrada a imagem da nossa sociedade e das nossas lindas mulheres, mas parece que agora isso virou uma espécie de troféu para as pessoas que cometem tais actos.

Eu não gostaria de ver nenhuma mulher nessas condições, por favor controlem-se, e não se deixem levar pelas fantasias dos vossos namorados, pois podem estragar a vossa boa imagem.

 

ksp